7165
   
     
         
Início Top 10 Todas Mais Enviadas Novas Adicionar Anedota





Pesquisa Avançada

Subscrever a newsletter




  Alentejanos  (426)
  Aulas  (57)
  Animais  (74)
  Anões  (9)
  Bebados  (46)
  Brasileiros  (48)
  Amigos  (78)
  Carros  (16)
  Cegos  (13)
  Ciganos  (16)
  Cuba  (42)
  Elefantes  (57)
  Azares  (69)
  Épocas  (16)
  Era uma Vez  (66)
  Expressões  (117)
  Especialistas  (33)
  Estrangeiros  (30)
  Família  (24)
  Fantasias  (31)
  Festas  (6)
  Futebol  (70)
  Farmácia  (9)
  Filmes  (23)
  Gagos  (18)
  Gays  (26)
  Geral  (4306)
  Jovens  (27)
  Loiras  (201)
  Lojas  (16)
  Mortes  (7)
  Médico  (50)
  Nazis  (30)
  Namorados  (31)
  naufrágios  (4)
  O que é  (21)
  Os Se's  (2)
  Porcas  (25)
  Precoces  (25)
  Pais e Filhos  (57)
  Países  (11)
  Patrões  (10)
  Peidos  (9)
  Policias  (12)
  Pretos  (64)
  Restaurantes  (15)
  Religião  (85)
  Ricos  (11)
  Roubos  (3)
  Sádicos  (35)
  Samora  (7)
  Sexo  (109)
  Casamento  (57)
  Sogras  (15)
  Sortudos  (6)
  Transportes  (16)
  Testes  (16)
  Urss  (28)
  Vida Conjugal  (28)
  Raínha da Noite  (3)
  Romeu  (2)
  Adivinha  (60)
  Verdades  (10)
  Linguagem  (20)
  Pinóquio  (4)
  Bolo Amor  (10)
  Químico  (1)
  Alentejana  (108)
  Contradições  (36)
  Matemáticas  (2)
  Dicionário  (5)
  Ignorantes  (26)
  Engano  (21)
  Confusão  (48)
  Remador  (2)
  Palavra  (4)
  Pensamentos  (9)
  Picantes  (35)

Versão para imprimir


Categoria da Anedota: Azares
Categoria da censura: Adulto

 Enviado por: vaninha activado 2010-06-14
 Tipo: long
 Estatistica: 4
 Enviado: 2


Titulo:

O Padre e a Freira no Inverno


Certa vez, um padre e uma freira regressavam para o convento.
Ao cair da noite, avistaram uma cabana a meio do caminho, e decidiram
entrar para pernoitar e prosseguir viagem no dia seguinte.
Ao entrarem na cabana,
- Padre! O senhor está acordado?
O padre bêbado de sono:
- Hã?! Ah, irmã, diga, o que foi?
- Ah... é que eu estou com frio. Pode ir buscar-me um cobertor?
- Sim, irmã, com certeza!
O padre levantou-se, foi buscar um cobertor ao armário e cobriu a irmã
com muita ternura.
Uma hora depois, a irmã acorda o padre novamente:
- Padre! Ainda está acordado?
O padre:
- Hã? Irmã... O que foi agora?
- É que ainda estou com frio. Pode dar-me outro cobertor?
- Claro irmã, com certeza
Mais uma vez, o padre levantou-se cheio de amor e boa vontade para
atender o pedido da irmã.
Outra hora passou e, mais uma vez, a irmã chamou pelo padre:
- Padre. O senhor ainda está acordado?
O padre:
-Sim irmã! O que foi agora?!
- É que eu não estou a conseguir dormir. Ainda estou com muito frio.
Finalmente, entendendo as intenções da irmã, o padre então disse:
- Irmã, só estamos aqui nós dois, certo?
- Certo!
- O que acontecer aqui, ou deixar de acontecer, só nós saberemos e
mais ninguém, certo?
- Certo!
- Então tenho uma sugestão... Que tal se fingirmos ser marido e mulher?
A freira então pula de alegria na cama e diz:
- SIM! SIM!

Então o padre muda o tom de voz e grita:
- ENTAO, PORRA! LEVANTA-TE E VAI BUSCAR A MERDA DO COBERTOR!


<< Anterior Next >>
 
Vote nesta Anedota! - Valor de votação 4
 Estúpida   Excelente      
   
 
Enviar esta Anedota a um amigo
      Seu Nome:   Nome do Amigo:
      Seu Email:   Email do amigo:
 


Algarve    Aveiro    Beja    Bragança    Braga    Castelo Branco    Coimbra    Évora    Guarda    Leiria    Lisboa    Portalegre    Porto    Santarém    Setúbal    Viana do Castelo    Vila Real    Viseu    Açores    Madeira   





Pesquisa Avançada

Para adicionar a anedota
do dia ao seu site
clique aqui..















Desenvolvido por: canalweb 1998-2010