7165
         
         
Início Top 10 Todas Mais Enviadas Novas Adicionar Anedota





Pesquisa Avançada

Subscrever a newsletter




Alentejanos  (426)
  Aulas  (57)
  Animais  (74)
  Anões  (9)
  Bebados  (46)
  Brasileiros  (48)
  Amigos  (78)
  Carros  (16)
  Cegos  (13)
  Ciganos  (16)
  Cuba  (42)
  Elefantes  (57)
  Azares  (69)
  Épocas  (16)
  Era uma Vez  (66)
  Expressões  (117)
  Especialistas  (33)
  Estrangeiros  (30)
  Família  (24)
  Fantasias  (31)
  Festas  (6)
  Futebol  (70)
  Farmácia  (9)
  Filmes  (23)
  Gagos  (18)
  Gays  (26)
  Geral  (4306)
  Jovens  (27)
  Loiras  (201)
  Lojas  (16)
  Mortes  (7)
  Médico  (50)
  Nazis  (30)
  Namorados  (31)
  naufrágios  (4)
  O que é  (21)
  Os Se's  (2)
  Porcas  (25)
  Precoces  (25)
  Pais e Filhos  (57)
  Países  (11)
  Patrões  (10)
  Peidos  (9)
  Policias  (12)
  Pretos  (64)
  Restaurantes  (15)
  Religião  (85)
  Ricos  (11)
  Roubos  (3)
  Sádicos  (35)
  Samora  (7)
  Sexo  (109)
  Casamento  (57)
  Sogras  (15)
  Sortudos  (6)
  Transportes  (16)
  Testes  (16)
  Urss  (28)
  Vida Conjugal  (28)
  Raínha da Noite  (3)
  Romeu  (2)
  Adivinha  (60)
  Verdades  (10)
  Linguagem  (20)
  Pinóquio  (4)
  Bolo Amor  (10)
  Químico  (1)
  Alentejana  (108)
  Contradições  (36)
  Matemáticas  (2)
  Dicionário  (5)
  Ignorantes  (26)
  Engano  (21)
  Confusão  (48)
  Remador  (2)
  Palavra  (4)
  Pensamentos  (9)
  Picantes  (35)

Versão para imprimir


Categoria da Anedota: Festas
Categoria da censura: Adulto

 Enviado por: indomavel activado 2014-06-02
 Tipo: long
 Estatistica: 4
 Enviado: 0


Titulo:

fome


Dois homens andavam perdidos e esfomeados no deserto há vários dias, quando finalmente vêem uma casa lá no horizonte. Todos contentes, dirigem-se para a casa e tocam à campaínha. Da porta surge uma velha muito feia que lhes diz prontamente: - Pelo que me parece vocês andam perdidos e esfomeados. Eu tenho muita comida lá dentro, mas ela só é vossa se vocês fizerem amor comigo! Um dos homens diz de imediato: - Não, nunca na vida! O outro pensa um pouco e diz: - Oh, é "pito", que se lixe... Já no quarto o segundo homem ao olhar o corpo da velha arrepende-se da decisão tomada, mas, vendo uma espiga, começa a foder a velha com a espiga sem esta saber. A velha gritava: - Ai, ...nunca tive um homem como tu. Vai e come o que quiseres. O pobre coitado comeu até se fartar até que se lembrou do seu pobre amigo que esperava pacientemente lá fora. Já lá fora diz-lhe: - Ó pá, desculpa lá. É que a fome era tanta que eu me esqueci completamente de ti. - Não faz mal. - Responde o amigo - Sabes, há pouco tempo atiraram pela janela uma espiga quentinha, barrada com manteiga, ...ó pá, soube-me tão bem!



<< Anterior Next >>
 
Vote nesta Anedota! - Valor de votação 4
 Estúpida   Excelente      
   
 
Enviar esta Anedota a um amigo
      Seu Nome:   Nome do Amigo:
      Seu Email:   Email do amigo:
 


Algarve    Aveiro    Beja    Bragança    Braga    Castelo Branco    Coimbra    Évora    Guarda    Leiria    Lisboa    Portalegre    Porto    Santarém    Setúbal    Viana do Castelo    Vila Real    Viseu    Açores    Madeira   





Pesquisa Avançada

Para adicionar a anedota
do dia ao seu site
clique aqui..















Desenvolvido por: canalweb 1998-2010